fbpx

Projeto Educativo

Salesianos do Porto > Projeto Educativo

O Projeto Educativo dos Salesianos do Porto é desenhado a partir do aforismo de D. Bosco, a educação é assunto do coração, e constitui-se como o referencial que atualiza e aprofunda o Sistema Preventivo Salesiano, para responder adequadamente às mais exigentes expectativas de quem nos confia a educação dos seus filhos, ajudando-os a prepararem-se com dignidade para a vida, para serem “Honestos Cidadãos e Bons Cristãos”.

O mundo sempre mais complexo e a experimentar mudanças velozes configura-se como um tabuleiro de incertezas, de indefinições e de complexidade. A resposta da educação a essas circunstâncias será um elemento singular e enérgico na hora de moldar o futuro.

Por isso, ao ancorarmos o Projeto Educativo dos Salesianos do Porto naquele aforismo inspirador, não só pretendemos ilustrar o seu Sistema Preventivo como também explorar um conjunto de opções concretas, baseadas em evidências científicas, quer ao nível pedagógico, didático, metodológico, quer formativo e pastoral, consistentes e estratégicas, que fazem da Escola Salesiana uma escola com carácter próprio e diferenciadora.

Os Salesianos do Porto têm um projeto educativo centrado nos seus alunos, elegendo como grandes finalidades da sua ação:

Identidade

Construir a identidade de cada aluno

A pedagogia salesiana parte da convicção de que “em todo o jovem há algo de bem e o nosso primeiro dever enquanto educadores é descobrir este ponto, esta corda sensível do coração e tirar proveito disso.” (D. Bosco), pois cada indivíduo é um ser multifacetado e único, um sujeito de características e talentos, que devem ser potenciados em todas as suas dimensões – as competências linguísticas e comunicativas, o raciocínio e resolução de problemas, o pensamento crítico e pensamento criativo, o reconhecimento interpessoal, o desenvolvimento pessoal e autonomia, o bem-estar, saúde e ambiente, a sensibilidade estética e artística, os saberes científicos, técnico e tecnologias, a consciência e domínio do corpo – mobilizando o saber para a construção da identidade de cada aluno, sendo capaz de “integrar os saberes da cabeça, do coração e das mãos”.

Aprendizagem

Ao longo da vida, Aprender a conhecer, Aprender a fazer, Aprender a ser e Aprender a viver juntos

Baseando-nos nestas 4 perspetivas de aprendizagem, interligadas entre si, queremos preparar os nossos alunos para o trabalho, para a cidadania e para a vida no séc. XXI. Conhecimento, compreensão, competências para a vida e competências para a ação, são os pilares do nosso projeto educativo.

Inclusão

Reconhecer as diferenças individuais

É o coração da nossa ação educativa, pois queremos atender à singularidade de cada pessoa: contextos vitais, familiares, opções livres.

A educação deve reorganizar-se à volta de cada “trajetória pessoal de aprendizagem”, uma vez que a pessoa aprende de variadíssimas formas e seleciona múltiplas vias para adquirir competências, motivando-nos para idealizarmos, em conjunto, formas de chegar a cada um dos nossos alunos, facilitando assim a realização de objetivos e critérios comuns.

Compromisso

Formar “Honestos Cidadãos e Bons Cristãos”

Através do acolhimento, a escuta, a motivação, o conhecimento do aluno e o “espírito de família” do nosso ambiente educativo, queremos formar pessoas com uma forte identidade própria e um nom projeto de vida, baseado na sua vocação e compromisso, com profunda espiritualidade e vida interior, para se tornarem cidadãos de esperança alegre, responsáveis nos deveres de cada dia e santos – patamar excesso da síntese de educar e evangelizar.

Abertura ao Mundo

Cultivar a criatividade e a inovação

Queremos ser uma escola que estimula a capacidade dos alunos para criar e gerar ideias, conceitos e conhecimentos, já que a inovação e a criatividade são competências valiosas nas sociedades do conhecimento, com um plano de estudos relevante para a vida, integrando aprendizagens autênticas, relevantes e apreendidas da vida real, personalizadas, empíricas, impulsionadoras e desenhadas pelos alunos e professores.

Horizonte

Contribuir para a construção do futuro

E como tudo o que faz referência à pessoa humana requer atenção ao presente e olhar constante para o futuro, queremos ser uma escola que ajuda os alunos a desenvolver uma identidade própria e um projeto de vida, que ajude a transformar o mundo, numa sociedade justa que busque o bem comum, que seja mais humana e sensível aos mais desfavorecidos.